O que é leitura, por Maria Helena Martins

Seria preciso, então, considerar a leitura como um processo de compreensão de expressões formais  e simbólicas, não importando por meio de que linguagem. Assim, o ato de ler se refere tanto a algo escrito quanto a outros tipos de expressão do fazer humano, caracterizando-se também como acontecimento histórico e estabelecendo uma relação igualmente histórica entre o leitor e o que é lido. (...) As inúmeras  concepções vigentes de leitura, grosso modo, podem ser sintetizadas em duas caracterizações:
1 - Como uma decodificação mecânica de signos linguísticos, por meio de aprendizado estabelecido a partir do condicionamento estímulo-resposta (perspectiva behaviorista-skinneriana);
2 - Como um processo de compreensão abrangente, cuja  dinâmica envolve componentes sensoriais, emocionais, intelectuais, fisiológicos, neurológicos, bem como culturais, econômicos e políticos (perspectiva cognitivo-sociológica).

(1ª. edição, Ed. Brasiliense, São Paulo, 1984, pp..30-31)
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.