Chico Mendes




A deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) apresentou um projeto declarando o acreano Chico Mendes Patrono do Meio Ambiente Brasileiro.
- Precisamos trazer à memória do povo brasileiro a luta atual de Chico Mendes em defesa da Amazônia, do desenvolvimento sustentável e da sobrevivência da humanidade - disse.
Chico Mendes foi vítima da violência patrocinada pelo desenvolvimento predatório da Amazônia, que não admitia – ou sequer entendia – a importância da sua militância. Foi assassinado na porta de casa, dia 22 de dezembro de 1988, uma semana após completar 44 anos.
- A história de luta de Chico Mendes não foi diferente da trajetória de tantos homens e mulheres que não se dobraram aos ditames dos opressores da liberdade e da justiça social no Brasil. A causa de sua morte também não foi diferente da morte de tantos outros que ousaram ecoar o canto libertário no campo. Mas, ao contrário, foi a mesma: a insistência secular dos defensores do latifúndio herdado da colônia, pilar principal do atraso e da injustiça social brasileira, que tentam impedir o acesso à terra aos que nela trabalham e produzem riqueza - escreveu a deputada ao defender que Chico Mendes seja declarado o Patrono do Meio Ambiente Brasileiro.

Fonte: Blog da Amazônia
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.