Produtores rurais do Quinari listam prioridades para agricultura em 2009


Durante dois dias, cerca de cento e cinqüenta produtores rurais de Senador Guimard, debateram os principais problemas que o setor enfrenta e elaboraram um documento onde estão listados as prioridades para o fortalecimento da agricultura para este ano.
st1\:*{behavior:url(#ieooui) }
O evento, organizado pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município, contou o apoio do gabinete do deputado Zé Carlos (PTN), aconteceu no salão paroquial da igreja católica do Quinari, e contou com a participação de representantes das Secretarias de Produção e Agricultura Famílias, do governo, educação, Saúde e Transporte da prefeitura local.

Região grande produtora de amendoim, milho e leite, a zona rural de Senador Guiomard concentra cerca de cinco mil trabalhadores rurais espalhados em 1.200 km de estradas vicinais em quatro grandes projetos de assentamento. O sindicato reuniu os representantes de todas as comunidades que puderam colocar as prioridades para cada regional e ajudar na elaboração do documento que será entregue ao governo do estado e ao prefeito James Gomes (PSDB).
Segundo o presidente do Sindicato, José Apolônio Florentino, o Zequinha, o encontro já foi uma demonstração de que a categoria está unida e disposta a reivindicar investimentos para o setor. Áreas como saúde, educação e mecanização agrícola, são fundamentais para o crescimento da agricultura na região.
‘Esperamos que esse encontro possa dar resultados num menor espaço de tempo possível, porque não podemos ficar vendo o tempo passar e os investimentos não chegarem. Se a gente tiver apoio do governo e da prefeitura, todo mundo sai ganhando porque nós aumentamos a produção e o mercado ganha produtos com mais qualidade’, analisou ele.
Para tirar todas as duvidas quanto a financiamentos específicos para o setor rural, representantes do Banco do Brasil e do BASA apresentaram as linhas disponíveis nessas instituições financeiras.
O vice presidente do Sindicato, Jairo de Alencar salientou que a entidade vai buscar parcerias com outros setores para permitir que os agricultores possam fortalecer a produção.

Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.