Veja 10 dicas para controlar seu orçamento em tempos de crise mundial


Em tempos de crise financeira, a necessidade de ter um controle dos gastos e evitar possíveis dívidas torna-se fundamental. Porém, o grande dilema de muitas pessoas é como não estourar o orçamento doméstico. Há uma fórmula ideal para a distribuição da renda?De acordo com o especialista em Educação Financeira Samuel Marques, o ponto inicial para não adquirir dívidas é ter um orçamento anual."Muita gente sofre com a falta de planejamento e vive estourado sem saber disto, sem enxergar o problema. Por isso, é preciso colocar os números no papel e visualizar antecipadamente se haverá sobra ou falta de recursos".FórmulaNão há uma fórmula ideal de planejamento financeiro a ser seguida. Entretanto, Marques ressalta a existência de uma regra geral para o controle das despesas."A fórmula ideal não existe, porque depende do tamanho da família, da idade de cada membro e de outros fatores. Mas a regra geral é o orçamento 10/20/70, onde 10% da renda vai para a poupança, 20% para o lazer e 70% para as despesas gerais".VilõesExistem alguns fatores que, utilizados de maneira incorreta, contribuem para o descontrole financeiro."Costumo chamar os vilões do orçamento de "despesas ninjas", entre elas, as despesas eventuais (não planejadas) e a despesa financeira, composta por juros, multas e tarifas. A analogia aos ninjas é feita porque esses gastos são tão difíceis de se identificar quanto um guerreiro ninja."As dicasPara evitar o descontrole, o especialista elaborou 10 dicas:
1 - Gaste menos do que você ganha - conheça o seu salário e planeje-se, para gastar um valor menor do que o que você recebe;
2 - Corte os gastos supérfluos, como o uso exagerado do celular;
3 - Tenha um controle mensal dos seus gastos - elabore uma lista com todas as suas despesas;
4 - Dedique um tempo para planejamento financeiro - reserve um período na sua agenda para se organizar financeiramente;
5 - Faça uma lista de compras antes de ir ao supermercado, a feiras e shoppings - com isso, você evita gastos extras e desnecessários;
6 - Tenha um bom controle das compras com cartão de crédito;
7 - Evite o uso do cheque especial, uma vez que suas taxas são elevadas;
8 - Prefira o pagamento à vista - assim, o salário dos outros meses não fica comprometido e ainda há a possibilidade de descontos com essa opção de pagamento;
9 - Adote o consumo consciente na sua casa! - diminua o tempo dos banhos, ensaboe a louça com a torneira desligada, apague a luz dos cômodos, nos quais não há ninguém, etc;
10 - Antes de aderir a um financiamento, calcule as taxas de juros - dessa forma, você será capaz de discernir se é um bom negócio ou não.
Postar um comentário
Tecnologia do Blogger.